Emagrecer de forma saudável

5 minutos de leitura

Sabia que o êxito de um processo de perda de peso é maior quando existe acompanhamento de uma equipa multidisciplinar? Saiba como emagrecer de forma saudável, com ajuda médica.

Emagrecer e manter o peso perdido, na maioria dos casos, é um processo complexo. Os principais erros cometidos durante o tratamento resumem-se à alimentação excessiva (com recidiva dos comportamentos viciantes) e/ou à falta de exercício físico.
O êxito é maior quando se é acompanhado por uma equipa multidisciplinar. É que, explica John Rodrigues Preto, responsável do Centro Multidisciplinar de Tratamento da Obesidade do Hospital Lusíadas Porto, o aumento de peso é multifatorial e, por isso, o seu tratamento deve ser abordado por técnicos de saúde das várias vertentes do controlo do peso.
A equipa base é composta por especialistas em Nutrição, Cirurgia Geral, Endocrinologia, Psicologia e/ou Psiquiatria. E, em alguns casos, a pessoa pode ser referenciada para a consulta de Gastrenterologia e/ou Cirurgia Plástica.
Todas as especialidades convergem para o mesmo fim: além da perda e manutenção de peso, pretende-se melhorar as comorbilidades que a pessoa possa já ter desenvolvido (como a diabetes ou doenças cardiovasculares).

Emagrecer: o que esperar de cada especialidade

A Nutrição faz uma avaliação nutricional e define os planos alimentares estruturados e individualizados;
A Endocrinologia realiza uma avaliação hormonal completa e trata as doenças associadas à obesidade (como a patologia da glândula tireoide ou da glândula suprarrenal; diabetes);
A Psicologia e a Psiquiatria fazem a avaliação e tratamento das alterações comportamentais associadas à alimentação. Também preparam as pessoas indicadas para cirurgia;
A Cirurgia Geral faz uma avaliação global e, caso a pessoa cumpra os critérios para um tratamento cirúrgico, define a técnica mais indicada;
A pessoa é referenciada à Gastrenterologia se for indicada para colocação de um balão intragástrico;
E a Cirurgia Plástica trata aqueles que, após a perda de peso excessiva (por tratamento médico e/ou cirúrgico), necessitem de cirurgia de remodelação corporal (para remoção do excesso de pele).

Tratamentos: da dieta à cirurgia 

As várias formas de tratamento disponíveis podem ser aplicadas individualmente ou combinadas entre si:
Um plano alimentar estruturado e outro de exercício físico são a base para todas as pessoas;
A terapêutica farmacológica pode ser também prescrita em alguns casos;
A introdução de um balão gástrico (que preenche parte da cavidade gástrica e reduz o apetite) é outra técnica possível em alguns casos;
A abordagem cirúrgica está indicada às pessoas com obesidade grau II com comorbilidades e índice de massa corporal – IMC – superior a 35 ou a qualquer pessoa com IMC superior a 40. As técnicas mais realizadas na cirurgia bariátrica são o bypass gástrico e o sleeve gástrico.

 

LER MAIS