Vitamina B12: para que serve?

Sabia que existem 13 vitaminas no organismo humano? E que deve consumir leite, ovos, peixe ou carne para encontrar a B12 que é importante para a normal densidade óssea? O especialista em Medicina Interna do Hospital Lusíadas Porto, Bonnet Monteiro, responde às dúvidas mais frequentes.

A vitamina b12 está presente no peixe, na carne, ovos e leite.

A vitamina B12 é uma das 13 vitaminas identificadas no organismo humano e pertence ao grupo das nove vitaminas hidrossolúveis (como a vitamina C e outras do complexo B). Como é solúvel em água é prontamente eliminada pelos rins se estes funcionarem de forma normal.

O especialista em Medicina Interna Bonnet Monteiro, do Hospital Lusíadas Porto, explica-lhe de seguida que alimentos deve comer e como detetar se está em falta no seu organismo.

Por que razão a vitamina B12 é importante?

A importância da vitamina B12 reside no facto de ser essencial e imprescindível para a hematopoiese, isto é, para a síntese dos elementos figurados do sangue e suas funções e para o normal funcionamento do Sistema Nervoso Central e Periférico. Desempenhará, ao que se pensa atualmente, um papel importante para a normal densidade óssea.

Em que alimentos se encontra a vitamina B12?

As principais fontes de vitamina B12 são a carne, o fígado, o peixe, os ovos, o leite e seus derivados.

Que alimentos não contêm a vitamina B12?

Os leites de origem vegetal (como o leite de soja, que contêm variantes de vitamina B12, que não são absorvidas ou que, sendo-o, são inativas no ser humano). Também os vegetais de cultura orgânica contêm quantidades comprovadamente insuficientes.

Em que situações há um défice desta vitamina?

  • Quando há deficiências alimentares.

É o caso de uma dieta vegetariana rigorosa, especialmente na gestação. E do alcoolismo crónico, entre outras situações.

  • Se se registam anomalias gástricas.

Tal como acontece na Anemia Perniciosa, numa Gastrite Crónica ou na Gastrectomia/Cirurgia Gástrica da Obesidade. Não podemos esquecer que, em casos de défice, os preparados multivitamínicos usuais não satisfazem as necessidades de vitaminas (como a B12) ou de nutrientes (ferro, cálcio, etc.).

  • Quando se verificam doenças do intestino delgado.

A doença de Crohn é um dos exemplos.

  • Devido a alguns fármacos.

Tais como a metformina e outros.

Quais os sintomas do défice desta vitamina?

Estes dependem da gravidade do défice e da sua duração, da idade, da reserva funcional respiratória, cardíaca, cerebral e muscular:

  • Pode sentir um simples cansaço (astenia);
  • Falta de forças (adinamia) ou falta de ar (dispneia);
  • Uma angina de peito quando há uma insuficiente oxigenação coronária ou défices cognitivos (desde problemas de atenção e concentração, a cálculo ou falta de memória).
  • Quando afeta o sistema nervoso, pode também haver sensação de um formigueiro, perturbações da marcha ou até uma grave fraqueza muscular dos membros inferiores.

 

Devo tomar suplementos?

Quem tenha uma alimentação diversificada e em quantidade suficiente, não necessita, por regra, de suplementos com vitamina B12, salvo se pertencer a um grupo de risco. O Médico Assistente deve ser sempre consultado.

Quando é que a vitamina B12 pode ser fatal?

Felizmente são casos raros. Regista-se principalmente em demências ou paraplegias por défice de vitamina B12 e tanto de forma direta, como acontece em qualquer demência, como indireta, pelas complicações que ambas as situações acarretam, como imobilidade, úlceras de pressão, infeções.

 

Colaboração:
Bonnet Monteiro, especialista em Medicina Interna do Hospital Lusíadas Porto

Especialidades em foco neste artigo:
Medicina Interna