Gelado de iogurte ou de açaí: alternativas saudáveis?

4 minutos de leitura

Com a chegada do calor, os famosos gelados de iogurte ou de açaí tendem a substituir os habituais gelados tradicionais. Mas serão estas alternativas realmente mais saudáveis?

A maioria dos gelados que consumimos tem por base o leite ou a nata, aos quais é adicionada fruta e outros ingredientes. No entanto, dependendo da sua composição, estes gelados poderão não só ser fonte de gordura, conservantes e aditivos, como poderão também apresentar um elevado teor de açúcar.
Comparando os três tipos de gelado – gelado de leite, gelado de iogurte e gelado de açaí:

Gelado de iogurte

O tradicional gelado de leite e o gelado de iogurte são ambos produtos à base de leite, portanto tendem a conter aproximadamente a mesma quantidade de proteína. No entanto, o facto de o gelado de leite ter por base leite gordo ou natas, tal contribui para o seu elevado teor em gordura.

O gelado de iogurte ou frozen yogurt, por outro lado, é elaborado com leite fermentado com lactobacilos e bifidobactérias (cultura probiótica) e possui, geralmente, um menor teor em gordura. Podem ser adicionados estabilizantes e aromatizantes de forma a melhorar a sua textura e sabor.

Deverá, portanto:

  • Ter em atenção a quantidade. Moderação é a palavra-chave. Quanto maior a quantidade ingerida, mais gordura, açúcar e calorias estará a consumir.
  • Optar pelos toppings certos. Adicionar coberturas açucaradas (chocolate, caramelo), bolachas e chantilly significa gordura e açúcar adicionais. Privilegie a adição de fruta fresca ou de frutos secos ou desfrute simplesmente do seu gelado ao natural.
  • Ter cuidado com as alegações nutricionais. Quando lhe for publicitado um gelado de iogurte “0% gordura”, verifique o teor de açúcar. Poderá ter sido adicionada uma quantidade maior de açúcar para lhes conferir maior sabor e textura.

Gelado de açaí

O açaí é um alimento com elevado teor de lípidos (ácido oleico e ácido linoleico) e fibra, rico em polifenóis (antocianinas), carotenoides e vitaminas B1, C e E. As suas propriedades antioxidantes, anti-inflamatórias e cardioprotetoras conferem-lhe estatuto de superalimento.

Contudo, quando o açaí é consumido sob a forma de gelado, é adicionado à sua polpa xarope de guaraná para intensificar o sabor doce, o que irá conferir a este alimento um elevado teor em açúcar e um alto valor calórico. Adicionalmente, o método de congelação a que o açaí é sujeito provoca danos irreversíveis no alimento, tais como perdas vitamínicas, o que irá modificar as propriedades originais e os possíveis benefícios do produto.

Tenha em consideração que:

  • Mais é menos. Observe a composição do rótulo. Quanto menos ingredientes constarem, mais saudável será o produto.
  • Deve optar por consumir a polpa natural da fruta sem adição de xarope de guaraná ou de outros açúcares. Poderá adoçar com fruta (banana, por exemplo) ou stevia. Tente, também, incluir uma fonte de fibra no seu açaí (aveia ou granola, por exemplo).

LER MAIS